Moacir Camerini - Bento Gonçalves RS

  • Bento Gonçalves é considerado extremamente ineficiente na gestão da educação municipal

    Na Mídia07.01.2019 | 11:49:00

    De acordo com pesquisa realizada pelo I3GS*, Bento Gonçalves é considerado extremamente ineficiente na gestão de educação municipal e ocupa a posição de número 189 entre os 361 Municípios do Estado com dados disponíveis. Criado para gerar inteligência no campo da gestão pública e corporativa, o I3GS desenvolveu o Atlas da Eficiência, no qual revela a gestão de educação municipal, dentre outros assuntos, para que as gestões possam estimar sua eficiência.
     
    O Atlas publicado em 2018, tendo como ano-base 2017, revela que Bento Gonçalves está produzindo somente 59,1% do que poderia produzir considerando os recursos que dispõe. Esses dados são obtidos através de números divulgados por órgãos oficias, tais como DATASUS, INEP, SNIS, IPEA e IBGE.
     
    É considerado de ineficiência extrema aqueles que se enquadrarem no índice entre 0 e 0,599, caso de Bento Gonçalves, que acabou com o índice de 0,519. Isso quer dizer que o Município precisa reduzir insumos ou aumentar a produção no ensino fundamental local. Os gráficos que destacam os pontos que devem ser melhorados se encontram no site relacionado abaixo.
     
    A publicação ainda destaca que o Município registra um total de 62,8% de pessoas vivendo em situação de vulnerabilidade à pobreza, e 3% em extrema pobreza.
     
    *http://www.i3gs.org/plataforma/atlas